Previsão para o ano 2014


576px-Oba,111A previsão para saber qual o Orixá que regerá o ano já é uma tradição no Brasil e em alguns países onde o brasileiro costuma pisar, por isso não deve ser interpretado pelo Povo do Santo como bobagem ou algo sem importância, afinal de contas, neste período nossa cultura ganha visibilidade, notoriedade, relevância, quebrando conceitos, preconceitos e paradigmas, possibilitando indivíduos de outra cultura conhecerem nossos Deuses, nosso povo, nossa gente, além de confirmar que somos pacíficos em comunhão com a natureza no intuito de ajudar o próximo a enfrentar suas dificuldades. Não devemos dizer que um sacerdote discorda de outro ou que nunca estamos em acordo entre nós (nossos desafetos adoram essas afirmações). As energias trabalhadas por mim em meu terreiro podem ser totalmente diferentes daquelas utilizadas por outros dirigentes, o que fatalmente, poderá nos trazer diferentes informações. Apesar disso acontecer com frequência, sempre há um Orixá que aparece como regente em noventa por cento das previsões sejam elas da Umbanda ou do Candomblé, pois é a energia dominante. Outros orixás aparecem como divergentes por estarem dentro do campo de trabalho do Babalorixá ou Iyalorixá que efetuou os cálculos. Por isso sempre aconselho: procure saber junto ao seu Sacerdote qual será o orixá regente e tenha absoluta certeza que ali, dentro desse terreiro, as energias encontradas por ele para essa regência, são as que efetivamente comandarão o ano. Pelos meus cálculos e devidas consultas ao Oráculo, confirmo para todos os Filhos, Adeptos e simpatizantes do Ile Axé Ijino Ilu Orossi, o ano será comandado pela nossa Deusa Obá, monitorado pelos Odu Odi (7) e Ejigbé (16).
Obá é relacionada ao fogo é considerada por muitos como a outra face de Xangô. Obá é saudada como o Orixá do ciúme (Obásí), mas não se pode esquecer que o ciúme é o coronário inevitável do amor, portanto, Obá é a deusa do Amor e da Paixão incontrolável, com todos os dissabores e sofrimentos que o sentimento pode acarretar. Obá tem ciúme porque ama. Obá é a deusa da guerra e do poder, seu culto está relacionado ao rio Obá, as águas em seu culto faz referência ao poder, a força incontrolável das águas. Seu culto no Brasil é confundido ao de Oyá, alguns chegam a insinuar que elas sejam irmãs, outros dizem que Obá seria uma Oyá mais velha. Por existir esta confusão, alguns acreditam que Oyá além de ser uma divindade da água e relacionada ao vento, teria ligação com o fogo, mas Oyá é o vento que alimenta o fogo que pertence a Obá, através do Acara (acarajé) que Obá adora. Obá quando em fúria transborda, agita-se; Oba é a senhora da sociedade Elekô. Tudo relacionado a Obá é envolto em um clima de mistérios. Obá nasceu do ventre rasgado de Iemanjá após o incesto de Orugan. Obá continua sendo cultuada como a grande Deusa protetora do poder feminino, por isso também é saudada como Ìya Agbà e mantém estreitas relações com as Iyá-Mi. Obá é a Iyámi Egbé (Rainha da comunidade), ela é a Iyá Abiku, desta forma é ela a encarregada de enviar ao mundo as crianças que nascem como castigo para seus pais. O que Xangô representa para os mortos masculinos, Obá representa para as mulheres mortas. Ela assim como Xangô é a representante suprema da ancestralidade feminina. Obá representa as águas revoltas dos rios. As pororocas, as águas fortes, o lugar das quedas são considerados domínios de Obá. Ela também controla o barro, aguá parada, lama, lodo e as enchentes. Trabalha junto com Nanã. Representa também o aspecto masculino das mulheres (fisicamente) e a transformação dos alimentos crus em cozidos. É também a dona da roda, embora feminina, energética, temida e forte, considerada mais forte que muitos Orixás masculinos, vencendo na luta Oxalá, Oyá, Oxumarê, Exú e Orumilá.
Ôdi é um odu do oráculo de ifá, representado no merindilogun com sete conchas abertas pela natureza e nove fechadas. Também é a somatória do ano de 2014 = 16 (ejibé) 1+6 = 7 que representa os sete dias da semana. Nesta caída responde Exu, Ogum, Oba, Oya. Significa perigo iminente. O Babalorixa tem que levanta-se do jogo e despachar a porta da casa com água sagrada. Apesar dos problemas inerentes a esta caída, o consulente tem caminhos para ser afortunado. O ano de 2014 será um período de grandes conquistas, mudanças de leis em especial ao fanatismo e questões financeiras, será favorável para todos espiritualistas racionais, expansão de projetos ligado a educação e ao acolhimento, grandes conquistas relacionadas a assuntos mundiais e intelectuais, surgimento de referências políticas, impactos em temas religiosos, expansões tecnológicas, pesquisas e descobertas em geral. Além disso, a aproximação cultural e econômica entre as nações será mais intensa. Será um ano suscetível a exageros, grandes feitos e acima de tudo para aquele que forem otimistas, acreditar, ter pensamentos positivos deverá ter um ótimo ano. Ritual para mudança na vida de todos que confiam em seu poder: O Uso da água será de extrema valia na vida de todo povo do santo ou de quem tenha afinidade com a espiritualidade. Molhar a Terra regularmente, trará boas vibrações, harmonia e equilíbrio para todo ano de 2014. Explicando: No Candomblé não se faz nada sem água, ela é um dos líquidos mais precioso em todas os ritos, pura ou misturada tem um valor sublime, sendo considerada o sangue da terra que alimenta toda a vida. É um elemento mineral, podendo ser misturada com os líquidos vegetais e animais, quando pura é chamada de Omin, misturada com liquido vegetal omin eró, com liquido animal Omin agbo. Sua função é resfriar, purificar, alimentar, umidificar, e fertilizar. Seu uso externo ou interno pelo Povo do santo é irrestrito, usado para a cura de doenças físicas, psíquicas e espirituais. Ao entrar ou sair de um terreiro a água deve ser derramada na terra, afim de aplacar a fúria da adversidade, para que nada de ruim aconteça. No início ou final de qualquer ritual deve-se refrescar a terra pedindo licença (agô) e agradecendo (Adupé) com este especial condutor espiritual. Baba Lokanfu, Toluaye.

Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Previsão para o ano 2014

  1. Mais uma vez,uma lição, muito obrigada pela orientação dessa religião maravilhosa, podemos apreender mais um pouco e conhecer sob essa nação.

  2. José Acacio disse:

    muito interessante essa lição muito obrigado e um bom 2014.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s